Not a member? Register now!
Announcements
Manga returns! Catch up with the details. Enjoy downloading, translating, and scanlating manga HERE legally!
Like us on Facebook, follow us on Twitter! Celebrate another year with MH and read our yearbook.
Manga News: Check out this week's new manga (9/1/14 - 9/7/14).
Forum News: Visit new sections for Nisekoi and Kingdom!
Translations: Bleach 595 by cnet128 , Gintama 509 by Bomber D Rufi

Majin Tantei Nougami Neuro 6

Majin Tantei Nougami Neuro 6

br
+ posted by Reith as translation on May 26, 2012 17:18 | Go to Majin Tantei Nougami Neuro

-> RTS Page for Majin Tantei Nougami Neuro 6

Majin Tantei Nougami Neuro
Capítulo 6 [Presa]

Página 1

D: .....
O que vocês querem...
Eu disse...
Só venham quando tiverem resolvido o caso.

N: O que queremos?
Bom, acho que resolvemos, Chef Shirota.
A Srta. Yako já vai apontar o culpado de tudo isso.

Página 2

Y: O criminoso
É você!

Página 3

D: O que você está falando?
Que jeito ignorante de me tratar.

D: Ele estava vivo quando vocês chegaram
E eu estava com vocês o tempo todo.

N: Seguindo a lógica, você não o matou...
Porém, existe um truque que pode ser aplicado nesse caso.

N: Naquela momento, a vítima não precisava estar viva...
Só era preciso parecer que ele estava.
Já que havia tanto vapor na cozinha, não dava para perceber muito pela silhueta..
Somente para iludir que ele estava vivo.

Página 4

N: Entre os vegetais jogados no chão, eu achei isso.
Um tomate cortado e cru.

N: Não havia outros tomates ali.
E este estava muito desfigurado.
Muito estranho, não?

N: Esse era seu truque, certo?

N: Foi desse jeito.
Duas cordas foram colocadas no tomate.
Então depois, você o congelou.

N: Você deduziu bem quando os policiais viriam investigar sobre a carta.
Daí, você o matou.

Página 5

N: Rapidamente.
Você amarrou as pontas das cordas nos ventiladores acima do fogão.

N: Depois, você colocou o corpo entre as cordas, de uma maneira que...
Ele ficasse de pé sozinho.
Então ligou os ventiladores para completar o truque.

N: Por ter muito vapor, não deu pra ver as cordas.
E no mais, o ângulo do pescoço foi ajustado pelo nó da gravata.
Daí, resolveu chamar a nossa atenção pela conversa.
E, pouco depois...

Página 6

N: A temperatura na cozinha amolece o tomate.
Quando ele já não aguenta mais o peso, o tomate se parte.

N: Os ventiladores sugam as cordas.

N: E sem nenhum apoio, o corpo cai na panela, fazendo um grande barulho.
Esse era o truque.

N: As deduções da Srta. Yako estão corretas. Certo, detetive Sasasuka?

S: Sim.
Nós achamos algumas cordas nos ventiladores.
Havia um tipo de substância nelas.

Página 7

N: Ele já tinha tudo planejado.
Duas cartas de ameaças que foram entregue no restaurante.
Se você olhar bem...

N: Dá uma impressão que há algo valioso escondido nesse restaurante.
E comparando com a segunda carta, percebe-se
Que quem escreveu, só tem um rixa com o restaurante.

N: Obviamente
A primeira carta parece ser a verdadeira.
Pois ela foi escrita pela vítima que insinuava algum segredo.

N: E a segunda carta
É a falsa que você escreveu.
Você quis copiar a primeira, mas
Existem muitas diferenças na caligrafia.

N: E escrevendo essa sua carta.
VOcê quis esconder as suspeitas do seu restaurante.
Não só isso, mas como você quis que a vítima tivesse algo contra isso.

Página 8

D: E... E onde está a sua prova?
A prova de que eu o matei?
E de que fiz tudo isso?

N: O defeito neste truque foi que...
O corpo já não deveria estar quente.

N: É por isso que você resolveu chamar a políciar para verem com seus próprios olhos.
Porque se tivesse passado muito tempo quando a autópsia fosse feita.
Alguém provavelmente seria "pego no flagra".

N: É por isso que você o matou antes da polícia chegar.
E rapidamente o colocou na posição exata do truqe.

N: O único lugar para se guardar a arma do crime seria na cozinha.
Viu?
Você não teve tempo para escondê-la.

Página 9

N: Além disso...
O pessoal da cozinha
Todos eles possuem alíbis que os comprovam de não terem feito isso.
Que só resta uma opção...

N: O único que divide a cozinha com a vítima...

D: JÁ CHEGA.

N: Oi?
Já é o bastante?

!!

N: Quer dizer que você vai admitir?

N: Isso foi muito simples.
Você então resolveu admitir?

D: Hmph.

D: Aquele idiota.
Ele tentou parar a minha culinária.
Logo quando eu completei minha Culinária Suprema.

Página 10

Y: Não estou entendendo...
Porque você prepara esse tipo de comida ou...
O porquê de você matar pessoas.

D: O jeito que você disse aquilo...
E a reação depois de experimentar minha comida.
Parece...
Que você já tem alguma teoria em relação
Ao meu segredo.

D: Mas, para pessoas como você.
As maravilhas desse tipo de comida
Não conseguem lhes "tocar".

D: Aquele cara
Também era como você.

D: Você está pensando em levar isso à publico mesmo?
Logo quando minha Culinária Suprema está quase completa?

D: Com isso, eu serei capaz de controlar muitas pessoas.
Daí, eu até poderia criar um grande império com essa comida.
Esse é o meu desejo!

U: O que você quer dizer com Supremo?
Isso é só uma sopa de drogas!!

U: Eu te admiro muito, como cozinheiro.
É por isso que lhe enviei aquela carta.
Você nem quis me escutar!
Nâo conseguirei guardar iso por muito tempo.

D: Entendo.
Eu confiei em você.
É uma pena, Unno.

D: Realmente, é uma pena.
Só mais um pouco e eu já teria a completado.
Mas para você, eu gostaria que...

Página 11

D: Experimentasse minha Culinária Suprema.

D: Você descobriu porque eu confessei tão rápido?
É porque...
Estou confiante de que eu poderei escapar de toda essa confusão.

Página 12

D: Misturar vários ingredientes com drogas é um processo delicado.

HÃ!

D: Se torna um sabor bem especial.
Ainda mais se você cozinhar por 7 dias seguidos!

D: Ele não pode ser detectado pelo sangue ou urina.
E ainda, o efeito da droga é aumentado.
Só preciso injetá-la diretamento na corrente sanguinea.

D: Esse é...
O resultado de anos de pesquisa.
O ápice das minhas pesquisas culinárias.

Página 13

D: Esta é a minha Sopa de Entorpecentes.
Agora, cavalheiros.
Vocês acham que conseguem me proibir de escapar?

S: O que diabos é esse cara?
Alguma aberração?

Y: Mon...stro..?

Página 14

N: Bobagem.

N: Isso é o que a Srta. Yako estava dizendo.
Ela falou que sua comida é um lixo.

D: .......
O que... você disse?

N: De acordo com o que ela disse.
Falar que o "sucesso" é só uma coisa extra.
É só nesse seu modo de querer ganhar fama com sua comida de merda.

N: "Comer é querer ser feliz"
Até eu conheço esse ditado.

Y: Neuro...

Página 15

N: Resumindo.
É nada mais do que lixo.

N: Não.
Se fosse lixo, a Srta. Yako comeria.
Deve ser algo pior...
Y: Quem seria louco pra comer isso?

D: Retire o que disse...
Inutéis como você não deveriam falar assim da minha comida...

D: Minha culinária é a melhor que já existiu!

Página 16

Y: Neuro!!

D: Hehe, hehe.
Aah.
Experimente o sabor da minha culinária suprema.

!?

N: Ai, ai.
Essa é a sua tal "Suprema"?

N: Me diga uma coisa.
Se você chama isso de Suprema...

Página 17

N: Sua culinária e sua esperteza, ambas estão longe do que eu conheço por Supremo.

N: Não se preocupe.
Pelo menos eu vou devorar o seu enigma.

Página 18

N: Obrigado pela refeição.

D: Mon...
Stro...

OH?

N: Essa droga tinha efeito colateral?
Ufa, escapei.

N: Então, Srta. Yako.
Mais uma vez sua dedução resolveu esse mistério!
Agora vamos comer mais uma daqueles lixos que você gosta tanto.
Y: Espera, porque eu tenho que comer lix-

Página 19

Y: Eba!
Lixo...
Eu adoro...

......?!

Y: Parece que...
Os entorpecentes na comida foram descobertos pela imprensa...
Causou uma grande confusão aqui.

Y: Os clientes nunca perceberam...
Que eles estariam devorando esses tipos de coisa.
N: Hmph.

N: É isso que eles recebem por querer somente o melhor.
Quem saberia quais ingredientes extras eram colocados ali?

N: O valor da comida é julgado pelo sabor.
Se ele é bom ou ruim...
Ou pela sua quantidade.
Isso já o suficiente para eles.

Página 20

N; Yako, não resta dúvidas.
Para você que come objetos
E eu que gosto de devorar "mistérios".

.....!
Y: É.

Y: Então eu acho q-
AAAHH!
Meu celular!!
N: Hã?
Eu o desmontei...
Tem algo de errado?

Y: É claro que tem!!
Conserte!
N: Pff.
Ok.

...

N: Estou com preguiça.

N: Quem sem importa?
Eu te dei aquele pão em troca.

Y: Eu não posso conversar usando um pão!!

Propriedade da Shin Sekai Scans

Have you shown your appreciation today? Click the thanks button or write your appreciation below!

Comments
Add your comment:

Login or register to comment

Benefits of Registration:
    * Interact with hundreds of thousands of other Manga Fans and artists.
    * Upload your own Artwork, Scanlations, Raws and Translations.
    * Enter our unique contests in order to win prizes!
    * Gain reputation and become famous as a translator/scanlator/cleaner!
No comments have been made yet!

About the author:

Alias: Reith
Message: Pm | Email

Author contributions

Translations: 130
Forum posts: 44

Quick Browse Manga

collapse

Latest Site Releases

Date Manga Ch Lang Uploader
Mar 1 MH Yearbook 2013 Mangahe...
Jan 19 MH Yearbook 2012 1 Mangahe...
Nov 14 Houkago 1 Osso
Nov 14 Oragamura 1 Osso
Nov 14 Kenka 1 Osso
Nov 14 101Kg 1 Osso
Nov 14 Murder 1 Osso
Nov 14 Doubles 1 Osso
Nov 14 Pinknut 1 Osso
Nov 14 Kimagure 1 Osso
collapse

Latest Translations

Date Manga Ch Lang Translator
Sep 14, 2014 Shokugeki no Souma 86 en Eru13
Sep 13, 2014 One Piece 759 en cnet128
Sep 13, 2014 Bleach 595 en cnet128
Sep 13, 2014 History's... 580 en aegon-r...
Sep 13, 2014 History's... 579 en aegon-r...
Sep 12, 2014 3-gatsu no Lion 41 en kewl0210
Sep 11, 2014 UQ Holder! 22 fr Aspic
Sep 11, 2014 Naruto 691 en aegon-r...
Sep 11, 2014 Kedamono Kareshi 1 it YukinaS...
Sep 11, 2014 Gintama 509 en Bomber...